top of page
  • Foto do escritorLo Lombardi

Trilha 1 dia :Floresta de Fontainebleau

Atualizado: 22 de fev. de 2019

Pros caminhadores de plantão, como eu, recomendo tirar um dia (ensolarado) pra fazer a (s) trilha (s) da floresta ao lado do castelo de Fointainebleau. Mais abaixo no post, vocês verão minha cara de zen meditando enquanto o Mi busca lugar no mato pra fazer pipi #truestory #videdetrekking

To apontando a paisagem, viu? Mente suja!!! Um dos mirantes do segundo passeio que indiquei aqui embaixo!

Eu adoro esse tipo de passeio, honestamente. Especialmente no verão faz um bem danado caminhar e respirar um ar puro de floresta. Eu sei que pra nos, brasileiros, ir a uma floresta na França é que nem comer feijão na Russia : Não faz sentido!


Mas, eu vejo por um ponto de vista diferente : As florestas francesas são austeras, sobrias e extremamente organizadas, bem como o povo francês. As nossas são generosas, cheia de diversidade e às vezes um pouco caoticas : bem brasileiras. Acho que olhar pra um lugar e perceber como a paisagem pode ser carimbada na alma dos habitantes, é uma das coisas que mais amo sobre conhecer lugares novos.


Então, se você tiver um dia extra na sua viagem, e puder fazer uma linda caminhada, aproveite pra ir até Fontainebleau. Eu gosto bastante de arte (nossa né, UAU que disruptiva), e essa floresta diferentona, salpicada de pedras por todos os lados, inspirou muitos autores da escola de Barbizon (inclusive fizemos a trilha - umas 6h30 horas- entre Barbizion e Fontainebleau).- Jean François Millet (meu favorito), mandou abraços!


Enfim, eu vou umas quatro vezes durante o verão, escolhendo sempre trilhas de dificuldades e durações diferentes ( vou listar aqui algumas alternativas Flash, pra quem não tem muito tempo):


  • Circuito das Fontes - Croix du Calvaire, Tour Dencourt et Roche Eponge ( duração curta, de 2h30 e um total de 7km) - é o passeio ideal pra aliar com a visita do castelo (na parte da manhã) e emendar na trilha curtinha.

  • Le Rocher du Long Boyau et les Gorges du Houx - Uns pontos bem legais com vista panorâmica e um trilha um pouquinho mais longa (3H50 de duração, ~10km)

  • Les Gorger de Franchard et l'Antre des Druides (5.7 km e em torno de 2 horas de duração) - Essa é bem bacana, passa bastante em meio as formações rochososas tão caracteristicas da floresta.


Os links estão em Francês, pois é esse site que eu uso quando vou pra la. Pegamos as balisas e vamos seguindo as instruções de cada trilha e suas respectivas demarcações (geralmente por cores). Se você for fazer, fala comigo, posso te ajudar a ver qual circuito ja completamos e que pode caber melhor no seu dia.


"Sinto vibrações de que o Mi ja achou um cantinho no mato pra aliviar o xixi"

Eu nem comentei sobre o castelo, porque é um clichê que dispensa explicação. O monstro Real, grande mecenas do Renascimento na França, passou por la : Francois Ier. Napoleão ( o I e o III), também fizeram morada no castelo - A coleção de pinturas e obras de arte dentro do prédio são de ficar embasbacado, mesmo.


Pra chegar la, so ir até Gare de Lyon (metro linha 1 ou 10) e pegar o trem em direção de Montargis (uns 8 euros, eu creio), Montereau ou Larcohe-Migennes. Descer na estação Fointanebleay-Avon e pegar um ônibus (linha 1) direção Les Lilas até a parada "Château".


Bisous!

27 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page